Carro é engolido por cratera e deixa motorista ferida no Centro de Taubaté, SP

O buraco se abriu na rua Juca Esteves por volta das 20h. Carro que passava pelo trecho foi engolido e motorista teve de ser socorrida pelos bombeiros.

 

Por G1 Vale do Paraíba e Região
 

 

Uma motorista teve de ser resgatada pelos bombeiros depois de cair com o carro em uma cratera que se abriu durante a chuva deste domingo (17) em Taubaté. A mulher de 54 anos passou cerca de uma hora dentro da cratera aguardando o resgate e teve ferimentos leves.

O buraco se abriu na rua Juca Esteves, na região central da cidade, por volta das 20h. Além da motorista ferida, moradores de uma casa no entorno deixaram o imóvel por recomendação da Defesa Civil.

A motorista Fátima Lopes voltava da missa quando passou pelo local e teve o carro engolido.

“Eu estava passando e de repente o carro começou a afundar e eu me vi em um buraco. Foi muito rápido, mal tive reação. Depois eu consegui sair do veículo pela janela, porque as portas estavam travadas, e pedi ajuda”, conta.

Ela teve de ser resgatada pelos bombeiros que interditaram a via e fizeram o resgate. Fátima foi socorrida para o Hospital Regional por causa de uma lesão no tornozelo.

Segundo os bombeiros, o asfalto cedeu por causa do rompimento de uma tubulação no local. Os moradores contam que ficaram sem água neste domingo (17) e que acionaram a Sabesp. Uma equipe chegou a ir ao local e constatou um problema na tubulação na área onde a cratera se abriu horas depois.

Em dezembro de 2017 o trecho chegou a ser interditado para a prefeitura por risco de desmoronamento. O local, por onde passa uma galeria de águas pluviais, ficou interditado e passou por obras. Um ano após a entrega dos reparos, o trecho cedeu.

Cratera engole carro e deixa motorista ferida no Centro de Taubaté, SP — Foto: João Mota/ TV Vanguarda

Cratera engole carro e deixa motorista ferida no Centro de Taubaté, SP — Foto: João Mota/ TV Vanguarda

Moradores e comerciantes reclamam dos prejuízos causados pelos estragos. Natanael Estevam é dono de uma loja de veículos e conta que na primeira fase de reparos teve prejuízo de R$ 70 mil.

“Meu comércio estava no trecho interditado para a obra e tivemos prejuízo de R$ 70 mil com os meses de interdição. Meu sócio faliu e hoje eu estou atuando sozinho, mas com mais essa cratera vou ter que procurar outro ponto comercial porque meu negócio pode não aguentar mais uma parada”, comenta um comerciante.

Por nota, a Sabesp informou que enviou uma equipe ao local e fechou uma tubulação de 50 mm que havia se rompido. A companhia acredita que o problema aconteceu nas galerias pluviais, que não são de responsabilidade da Sabesp.

“Pela dimensão do buraco, os técnicos da Companhia acreditam preliminarmente se tratar de problema nas galerias pluviais responsáveis por receber as águas das fortes chuvas que atingiram Taubaté neste domingo”.

A Prefeitura de Taubaté informou que moradores de uma casa tiveram que deixar o imóvel por recomendação da Defesa Civil. O local ainda passará por avaliação nesta segunda-feira. Uma equipe da Guarda Municipal permaneceu no local durante a noite.

Facebook Twitter Google+ linkedin email More
Copyright © Encontre mais AKI - Seu Guia de Taubaté e Região